Noticia Da Actualidade.

Posted · Add Comment

DESTAQUES
Munícipes de Nampula protestam contra morte de Amurane.
Nyusi diz que ganância e corrupção devem ser combatidas de forma séria.
Maputo introduz sistema integrado de transportes
Quatro mortos e 15 feridos em atentado suicida na Líbia

Nacional
Munícipes de Nampula protestam contra morte de Amurane.
Munícipes de Nampula saíram à rua para protestar contra a morte do seu edil, Mahamudo Amurane. Em forma de revolta, a população colocou barricadas na avenida Eduardo Mondlane, e está a queimar pneus nas ruas. Alguns jovens mobilizaram-se e vestiram de preto, exigindo que a justiça seja feita.
Rapto de criança leva quatro indivíduos aos calabouços em Nampula

Quatro indivíduos, dos quais um mulher, vêem o sol aos quadradinhos, desde a última sexta-feira (29), nas celas da 1ª esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM), em Nampula, indiciados de rapto de uma criança de seis anos de idade, para fins não apurados. Sabe-se, porém, que eles chantagearam o pai da vítima na tentativa de convencê-lo a pagar regaste.
Os acusados respondem pelos nomes de Quinho Mateus, de 30 anos de idade; Beto Retchua, de 24 anos; António Alberto e Ana Retchua, ambos de 25 anos.

Membro da Unidade de Intervenção Rápida encarcerado por assassinar um civil em Nampula
Um jovem indefeso, cuja identidade não apurámos, morreu, na noite da última quinta-feira (28), vítima de baleamento supostamente efetuado por um agente da Unidade de Intervenção Rápida (UIR), em Nampula. O acusado já está a contas com a Polícia da República de Moçambique (PRM).
O homicídio aconteceu por volta das 19h00 daquele dia, no bairro do Aeroporto, quando o malogrado encontrava-se a arrancar mangas verdes nas imediações do quartel da UIR.
Para além de uma perfuração a tiro, o corpo do finado apresenta várias escoriações, o que leva a presumir que ele foi igualmente submetido a maus-tratos.
MITESS concede tolerância de ponto para Xai-Xai, no sábado
O Município da Cidade de Xai-Xai, na província de Gaza, celebra, no sábado (07), o 56 aniversário da sua elevação à categoria de urbe. Assim, o Ministério do Trabalho, Emprego e Segurança Social (MITESS) concede tolerância de ponto a todos os trabalhadores e funcionários públicos locais.
Contudo, “a referida tolerância de ponto não abrangerá aos trabalhadores cuja natureza da sua actividade não permite interrupção no interesse público”, segundo um comunicado de imprensa enviado ao @Verdade, por aquela instituição do Estado.
O documento a que nos aludimos clarifica ainda que a mesma tolerância de ponto fundamenta-se n?. 01 do artigo 97, da Lei n?23/2007 de 01 de Agosto (Lei do Trabalho), “conjugado com o n?. 2 do artigo 05 do Regulamento de Tolerâncias de Ponto.

Antigo edil da Manhiça responderá em tribunal por desvio de fundos
O antigo presidente do Conselho Municipal da Vila da Manhiça, na província de Maputo, Alberto Chicuamba, vai responder em tribunal por crimes de desvio de fundos e abuso de poder, escreve a Rádio Moçambique.
De acordo com aquele órgão de informação, a Procuradoria Provincial de Maputo já remeteu o processo ao tribunal distrital.
Alberto Chicuamba é acusado pelo Ministério Público de ter usado de forma abusiva fundos do erário público para fins próprios, durante o exercício do seu mandato, entre 2003 e 2013.
Maputo introduz sistema integrado de transportes
A cidade da Matola e a vila municipal de Boane, ambas na província de Maputo, estarão ligadas à capital moçambicana, a partir de Dezembro próximo, por um sistema integrado de transporte de passageiros, composto por 16 automotoras e 100 autocarros.
Trata-se de um projecto denominado Metro-Bus, orçado em mais de um milhão de dólares, liderado pela empresa moçambicana Fleetrail, proprietária dos comboios, em parceria com a empresa Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM), entidade detentora das infra-estruturas.

Nyusi diz que ganância e corrupção devem ser combatidas de forma séria.
Filipe Nyusi defende que a ganância e a corrupção têm o mesmo valor que outros crimes, por isso, devem ser combatidos de forma séria. O Presidente da República diz, por outro lado, que a descentralização que se quer implementar deve aproximar os moçambicanos e não prejudicar a unidade.
Na sua intervenção, hoje, durante a abertura do Conselho Coordenador do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Nyusi defendeu um combate cerrado à corrupção, e convida o Ministério dirigido por Oldemiro Balói a estar na dianteira no combate a este mal.
O tema da paz, a situação económica e em particular a exploração de recursos dominaram também o discurso de Filipe Nyusi. O Presidente quer também que se lute para reconquistar a confiança de parceiros.
O Estadista defende que, em tempos de austeridade, Balói e seu ministério devem saber definir prioridades, de modo a reduzir as despesas da instituição.
Desporto
Abel Xavier indignado….
O seleccionador nacional dos “Mambas”, Abel Xavier, mostrou-se indignado com algumas adversidades que tem enfrentado no seio do grupo de trabalho da selecção nacional. Para Abel Xavier não se deve exigir resultados aos jogadores sem as melhores condições.
Depois de ver cancelado o jogo de preparação diante da Guiné Equatorial, facto que desestruturou a programação inicialmente agendada, a selecção se dividiu em dois grupos, onde um esteve a treinar, primeiro, no campo do Maxaquene, na baixa da cidade e outra a concentrar-se em Lisboa.
Internacional
Quatro mortos e 15 feridos em atentado suicida na Líbia
Pelo menos quatro pessoas morreram e 15 ficaram feridas num atentado suicida no tribunal da cidade de Misrata, no norte da Líbia e principal porto comercial do país, indicaram fontes dos serviços de segurança, citados pelo Notícias ao Minuto.
Segundo as fontes, citadas pela agência France-Presse, um bombista suicida fez-se explodir no interior do complexo de tribunais, um edifício no centro da cidade sob o controlo das forças leais ao Governo de União Nacional (GNA) reconhecido pela comunidade internacional.
Até agora, nenhum grupo reivindicou o ataque, escreve a agência EFE.

Por Informativo Cristão_05.10.2017Reinaldo Luis.